Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Notícias’ Category

liberdade de expressao

(Foto: AFP/Getty Images)

A deputada Ana Gomes (juntamente com outros colegas do Parlamento Europeu) tem, no blogue Causa Nossa, um apelo à liberdade de blogar, também em defesa de quem está preso por o ter feito.

Aconselho a leitura e o apoio à iniciativa. Pela liberdade de expressão.

Read Full Post »

Paul Newman (1925-2008)

Wiki

IMDB

Read Full Post »

Os meus caros amigos da Empty Factory acabaram de lançar na App Store uma aplicação de conversão de unidades (incluindo monetárias) bem estruturada, a um preço óptimo (79 cêntimos) e com bastante futuro de progressão: a Unity.

A Unity é a segunda aplicação lançada pela Empty Factory, juntando-se assim à Invoy (para Mac), uma aplicação de facturação.

Desejo toda a sorte comercial à Empty Factory e que venham mais aplicações para iPhone / iPod Touch. Em especial querem-se aplicações que funcionem particularmente bem em ambiente europeu (e português).

Link directo para a App Store (iTunes).

Nota final: Já a comprei.

Read Full Post »

… o resultado pode ser espantoso.

Inagurado há dois dias atrás (por Stephen Hawking), na Taylor Library no Corpus Christi College (Cambridge), o Corpus Clock é da autoria de John C. Taylor.

Com base numa ideia do relojoeiro John Harrison (1693-1776) esta obra é totalmente mecânica, como nos velhos tempos. Mas o tradicional fica por aqui, pois no seu exterior o Corpus Clock tem um disco externo com cerca de 1.5m de diâmetro, com 24 quilates de ouro. Não tem ponteiros ou números, e o tempo é observável pela passagem de luz LED por orifícios situados em anéis concêntricos. No topo, a visão é marcada por um gigantesca, mórbida e fantástica criatura, semelhante a um gafanhoto. Chamam-lhe Chronophage, o comedor do tempo, cujas patas e boca se movem e os olhos piscam como de satisfação alimentar. A badalada da hora é substituída pelo som de uma corrente a cair sobre um caixão de madeira. (Wiki)

O tempo é devorado e não volta mais. Nunca mais. Finito.

Porque a vida é irregular, o Corpus Clock só está totalmente certo de 5 em 5 minutos. Espera-se que se mantenha em funcionamento preciso durante, pelo menos, 200 anos. Custou cerca de 1 milhão e 250 mil euros.

Fantástico. (Nota para mim mesma: ir a Cambridge da próxima vez.)

Deixo aqui um vídeo com a explicação do funcionamento do Corpus Clock pelo próprio John C. Taylor:

Read Full Post »

Ou talvez não!

Eles andam indecisos.

Read Full Post »

Bom… segundo a Valleywag os anúncios da Microsoft como Seinfeld (que tanto foram discutidos no Twitter e no TriploExpresso, etc, etc.) foram para as cucuias.

E o Phil que tanto gostava da velhinha. 😉

Read Full Post »

Uma equipa das universidades de Oxford (Said Business School) e Oviedo realizou, com o patrocínio da Cisco, um estudo sobre a qualidade da banda-larga em 42 países. Para tal foram analisados oito milhões de registos através do www.speedtest.net.


Resultados da qualidade da banda-larga (dados completos aqui).


Os melhores resultados foram obtidos no Japão, Suécia e Holanda. Portugal fica no meio da tabela, com o Reino Unido, a Espanha e a Itália atrás.

Segundo o relatório uma banda larga de alta qualidade é essencial para o crescimento da economia com base nas tecnologias do conhecimento (v. Wiki):

Average download speeds are adequate for web browsing, email and basic video downloading and streaming, but we are seeing more interactive applications, more user-generated content being uploaded and shared, and an increasing amount of high-quality video services becoming available. Moreover, because the study also found significant correlation between a nation’s broadband quality and its advancement as a knowledge economy, policy makers may need to consider how to create an environment to improve key broadband performance parameters in the future.

Diga-se, aliás, que a posição de Portugal no Knowledge Economy Index também não é fabulosa. Ocupamos o lugar n.º 32 no ranking de 2007 (caímos alguns pontos desde 1995). (Link para o Knowledge for Development, incluindo o seu programa e metodologias.)

Falta-nos melhor tecnologia, sim, e mais empreendorismo. E se entre a minha comunidade de colegas bloguistas encontro razões para me contentar, o inverso se passa na minha actividade profissional onde colegas e alunos andam ainda a anos-luz de uma utilização (ou interesse) real nas tecnologias para o conhecimento. (Eu, por exemplo, sou considerada um ser raro e estranho.) Pergunto-me, muitas vezes, o porquê desta realidade, deste desinteresse.

Volto também a concluir que, apesar de ser essa a minha vontade, acho difícil ter uma casa de campo no Barrocal Algarvio enquanto a banda-larga de qualidade andar arredada de lá.

Nota final: Em baixo encontram-se os resultados do Speedtest que realizei agora mesmo. Pelo dito serviço pago 35,57 euros mensais. Até ao fim do ano tenho tráfego ilimitado. Depois, se esse tráfego for alterado para valores ridiculamente baixos, troco de ISP.

Read Full Post »

Older Posts »