Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Janeiro, 2008

links for 2008-01-29

Read Full Post »

1. Kitty (eu que até adoro gatos)

2. Independence Day (o filme)

3. Kevin Costner (e as suas mil e uma caras iguais; xoninhas!)

4. TVI (o número interminável de má ficção ou não ficção nacional)

5. 24 Horas (o pseudo-jornal que todos os cafés da zona teimam em ter)

6. Seres anti-macs (para mais aqueles que acham que têm piada e escrevem mal)

7. Homofobia (em especial a [mal] camuflada)

8. Ratazanas (nem em filmes da Disney)

9. Baratas (bicho nojento; trauma de infância)

10. A minha tese de doutoramento (o meu filho está proibido de fazer uma)

Ah, fez-me bem à alma.

Read Full Post »

Diz que disse, mas afinal não há acordo com as principais companhias.

Mais sobre o assunto na BBC News.

Read Full Post »

Quero um!!!

Read Full Post »

Um browser a menos!

O Camino foi à vida. O comportamento estava a ficar desesperante, inclusive com falhas de conexão; para não falar da falta de algumas capacidades essenciais (mudar a posição das tabs, por exemplo).

Tenho pena. Sempre nutri um carinho estranho pelo Camino.

Mas hoje perdi a paciência. (Era a minha terceira escolha em browsers.)

Read Full Post »

links for 2008-01-27

Read Full Post »

Uma amiga minha dizia há alguns dias que as Primárias dos EUA estão marcadas por “disfunção eleitoral”.

Disfunção eleitoral: a impossibilidade de ficar excitada/o com qualquer dos proponentes à presidência, seja de que partido for.

Apesar de concordar com ela até um certo ponto, pergunto-me se a pré-anunciada, mas maior do que o esperado, vitória de Barack Obama na Carolina do Sul irá mudar esta situação, e gerar uma onda de entusiasmo (real e geral) na sua campanha. (Já vos disse que tenho amigas/os que não obstante serem liberais e odiarem a actual administação norte-americana se recusam a votar em Hillary Clinton?)

Até porque têm chegado apoios inesperados a Obama. Caroline Kennedy (filha de JFK — lembram-se dele e da sua mística?) acaba de publicar um inequívoco (to say the least)texto no New York Times anto:

Senator Obama is running a dignified and honest campaign. He has spoken eloquently about the role of faith in his life, and opened a window into his character in two compelling books. And when it comes to judgment, Barack Obama made the right call on the most important issue of our time by opposing the war in Iraq from the beginning.

I want a president who understands that his responsibility is to articulate a vision and encourage others to achieve it; who holds himself, and those around him, to the highest ethical standards; who appeals to the hopes of those who still believe in the American Dream, and those around the world who still believe in the American ideal; and who can lift our spirits, and make us believe again that our country needs every one of us to get involved.

I have never had a president who inspired me the way people tell me that my father inspired them. But for the first time, I believe I have found the man who could be that president — not just for me, but for a new generation of Americans.

(Fonte)

Resta esperar pela Super Tuesday, a 5 de Fevereiro, e ver para que lado pende realmente a balança (inclusive nos Republicanos). É que nesse dia decorrem as primárias em 24 dos estados norte-americanos, alguns deles com um enorme número de delegados que irão decidir a escolha final do candidato à Casa Branca (como a Califórnia, Illinois e Nova Iorque): ao todo 1688 delegados, num universo em que o vencedor é quem consegue obter o apoio de 2025 delegados.

Tic-tac-tic-tac…

Read Full Post »

Older Posts »